O QUE É SEARCH ENGINE OPTIMIZING? 6 DICAS PARA OTIMIZAR SEU WEBSITE!

O termo SEO significa Search Engine Optimization, melhora para mecanismos de procura. É um conjunto de técnicas com o intuito de estimular e aumentar o parecer de um site nas páginas de resultados naturais (orgânicos) dos sites de procura, gerando conversões, sejam elas, um lead, uma compra, um envio de formulário, agendamento de consulta e mais. 

Gostou? Confira mais artigos completos AQUI.

Em um mundo em que a rede está se tornando imensa demais e no qual mais de 90% das experiências na internet começam com uma estudo, surgir no cume da passagem dos motores de procura é um motor seguro para o desenvolvimento do seu negócio, dessa forma saber e adaptar técnicas e programas de SEO é primordial. 

As técnicas de SEO são divididas em duas vertentes: SEO Off Page e SEO na internet Page. 

SEO Na internet Page refere-se a todo motor configurável que está dentro do seu site, ou seja, sobre o que você possui controle. Essa melhora está relacionada a vários elementos que vão desde a escrituração mercantil de textos com a uso de palavras-chave necessários até a parte mais técnica, como a melhoramento de desempenho do seu site. 

Neste post vamos focalizar em algumas generalidades fundamentais para incentivar o parecer de um site realizando melhora interna básica. A composição destes elementos são capaz de ser realizada nos sistemas de publicação das páginas de seu site ou diário online, como os ofertados por plataformas como o WordPress, Blogger, Wix, etc; ou de modo direto no seleção HTML. 

Abaixo, listei alguns dos principais elementos de rankeamento que otimizaram suas páginas. 

Como melhorar o SEO de um site? 

#1 – Crie urls amigáveis 

Para acesso a uma passagem rede é preciso um dirijo de rede que identifique o percurso até o conteúdo, este dirijo ou link, no momento em que customizado, similarmente pode ser chamado de slug, uma expressão para definir um percurso complacente, um link possível de ler e supervisionar. 

Uma url complacente é composta pelo esfera, no qual o ideal é utilizar domínios próprios com registros nos padrões mais conhecidos como:.com,.com.br,.net, etc; e pelo percurso de acesso às páginas dentro do site. 

A composição de slugs está surpreendentemente ligada as técnicas de SEO, embora de sua significado provocar maior impacto no motor humano e não nos algoritmos usados pelos motores de procura de maneira direta. Também dessa maneira, considerando que o propósito do SEO é mostrar às indivíduos o que é sobressalente, o que elas desejam analisar, este motor é primordial para otimizar suas páginas uma vez que aumentam a credibilidade. Não há nada que cause maior hum que acessar páginas em que as urls são compostas por números e letras desordenadas. 

VOCÊ SABIA QUE PODE TER SUA PRÓPRIA PLATAFORMA DE HOSPEDAGEM DE VÍDEOS LIVRE DE DIREITOS AUTORAIS? CONFIRA AQUI.

Dessa maneira, seguem algumas dicas para você utilizar na publicação dos slugs: 

Orientação 01: Crie slugs direcionados 

No artigo das urls coloque informações que representem a questão do conteúdo da passagem, usando os termos necessários, palavras-chave, especialmente no início do artigo. Isto amplifica as capacidade de sua passagem ficar bem posicionada para as palavras certas. 

Orientação 02: Não use termos comuns 

Para otimizar seus slugs, remova palavras comuns, como: a, o que, como, são, ou, etc … Estes termos não são analisados pelos motores de procura, por isso o melhor é retirá-los. 

Quanto mais limitado e mais focado na palavra-chave melhor será o slug, maior será a eventualidade de melhora de sua páginas nos rankings de resultados. 

#2 -Use palavras-chave estratégicas 

A utilização das palavras-chave é o essencial motor de melhora de sites, uma vez que são os via de procura usados pelos usuários analisados pelos sistemas de procura. Logo, precisam viver nos sites que pretendem surgir como resultado das mesmas. 

Exemplificando, ao investigar pela palavra “SEO” vejam o resultado que o Google trouxe: 

Observe que as palavras-chave definidas para uma determinada passagem informam aos motores de procura o conteúdo essencial do ensaio. 

Algumas dicas para otimizar o utilização deste motor: 

Orientação 01: Conheça bem seu público 

Para quantidade definir as palavras-chave da sua passagem, você necessita saber precisamente os rendimentos do seu público e que termos ele utilizaria para uma estudo que resultasse em sua passagem. 

Orientação 02: Ferramentas costumes 

Há algumas ferramentas que encontram palavras-chave necessários, como por exemplo: o Google Keyword Planner – O “planejador de palavras-chave” do próprio Google cingido ao Google Adwords para otimizar campanhas; ou o Google Trend e o Über Suggest, ferramentas gratuitas que a começar por um termo verificam quais as principais pesquisas realizadas. 

Orientação 03: Use palavras-chave de popa longa (long-tail keywords) 

Não use somente palavras genéricas, combine-as com termos mais específicos que, embora de gerarem pouco trânsito resultam em mais conversões uma vez que são pesquisadas por um público focado. 

#3 – Crie Títulos Magnéticos 

Sabemos que todo site ou passagem rede é construída com base em códigos HTML que estruturam todo o conteúdo. Os motores de procura dos sites de estudo são programados para buscar em partes específicas desses códigos os termos pesquisados e dessa maneira eles entendem que aquele site é o que o utente está buscando. 

Este processamento ocorre precisamente com a tag Title, uma seleção padrão de páginas rede que conserva o título da passagem. Logo, se você pretende que sua passagem seja exibida como resultado sobressalente em pesquisas é preciso que as palavras-chave do conteúdo da passagem em demanda estejam contidas no título. 

Algumas dicas para otimizar o utilização deste motor: 

Orientação 01: Como adotar um título sobressalente? 

Insira a palavra-chave selecionada na parte nascente do título; 

Um título ideal precisa ter de 50 a 65/68 letras, uma vez que é o fraqueza erudito pelos motores de buscas, além disso, este é o algarismo máximo proposto nas telas de resultados: 

Evite repetir a palavra-chave de maneira não natural. Uma vez é bastante; 

Cada passagem precisa ter um título especial. Seja inventivo e evite repetições. 

Orientação 02: Ferramentas costumes 

Assim como para palavras-chave, há ferramentas que ajudam na elaboração de títulos necessários, como por exemplo, a Diário online Topic Generator da HubSpot que lhe proporciona até 5 opções de títulos para até 3 palavras chaves escolhidas. Outra ferramenta esquisito é a Headline Analyzer que faz uma avaliação do seu título e pontua sua significado. 

Você similarmente pode ler o post 6 dicas infalíveis para você fazer títulos magnéticos e saber técnicas infalíveis para elaboração de títulos matadores. 

Curso grátis: Como criar streaming de vídeo ao vivo

#4 – Capriche no Conteúdo 

Não podemos esquecer que todos os arranjo de atração de novos leads com o utilização de palavras-chave e bons títulos são para oferecer conteúdo, seja um post, um e-book, um infográfico ou um anúncio, logo, a garantia da qualidade do artigo é tão primordial quanto os elementos que o nomeiam. 

Para a composto do artigo é fundamental que você insira nele a palavra-chave da sua passagem, isto traz significado na melhora e brinda credibilidade ao conteúdo, porém atente para que isto ocorra de maneira natural, uma vez que precisa viver atenção no conteúdo planejado e a mesma precisa estar incluída dentro de um conteúdo. 

Realmente compensa evidenciar que o seu conteúdo de artigo precisa ser harmônico similarmente com o título, tanto em conteúdo quanto em espera. Não adianta nada fazer um super título, encantar inúmeras visitas e não oferecer um conteúdo sobressalente e de qualidade, isto apenas causará uma experiência hostil ao utente que pode de modo algum mais voltar a sua passagem. 

Orientação 01: Aplique as técnicas de Webwriting 

Webwriting é um conjunto de técnicas para reproduzir um artigo com um conteúdo estrategicamente pensado. Há quatro princípios básicos na escrituração mercantil para a rede: 

– Advertência: fazer mecanismos de ambição pela informação criada, e bastante além de julgar em um artigo ‘ bem escrito ’, que é requisito sine qua non; 

– Objetividade: permitir aos usuários os aspectos da informação que o leitor quer, sem ‘ versar ’ detalhes desnecessários; 

– Clareza: experimentar trabalhar com ‘camadas’ em um site, oferecendo informações aos poucos, no entanto sem fazer uma estrutura bastante profunda; 

– Navegabilidade: utilizar a informação como recurso de indicação em um site, contribuindo o utente a trespassar informações e realizar entendimento. 

Orientação 02: Ferramentas costumes 

Uma excelente ferramenta para a avaliação do seu artigo é a Grammarly, uma área gratuita para o Google Chrome que faz correções de artigo e gramática. 

#5 – Use UX e AI 

Embora de serem listadas como técnicas separadas ao SEO, UX, User Experience, e AI, Construção da Informação, são técnicas matadoras para mostrar-se no ranking de buscas. 

Com os avanços do meio rede, a lembrança de melhores itens vem sendo o foco das grandes empresas, inclusive do Google. Hoje, os motores de buscas tornaram-se mais inteligentes buscando oferecer não apenas os melhores resultados, porém, especialmente, uma excelente experiência ao utente. Nesse conteúdo, as técnicas de UX e AI se encontraram com as de SEO para de modo algum mais se separarem. 

A experiência do utente é ideia como diferencial competidor no momento em que comparada a preço, assim como, a disposição da informação permite ao utente achar fácil o que demanda. Ambas traz a intenção de oferecer ao utente uma ótima navegação e de modo consequente uma ótima usabilidade, facilitando a sua vida como utente e gerando aos motores de buscas impacto seguro no parecer do seu site. 

Dessa forma, questões como facilidade no utilização, uma ótima linkagem interna, interfaces adaptadas para dispositivos móveis ou o tempo baixo de gravame das páginas são elementos que impactam de modo direto no rankeamento da sua passagem. 

#6 – Use Vestígios Sociais 

Esse é um motor polêmico e que divide considerações em correlação a sua significação no rankeamento juntamente aos motores de buscas, dessa forma o deixei em última função na listagem. 

Já ouvi diversas considerações em correlação a essa demanda, algumas afirmam que os vestígios sociais, compartilhamentos e curtidas no Facebook e Instagram, tweets no Twitter, pins no Pinterest, e mais, tem influência de modo direto no bom parecer de um site, uma vez que aumentam a figura na internet, geram encarregado de esfera e fazem com que os motores de buscas considerem aquela passagem como uma referência no questão. 

Já alguns especialistas em SEO afirmam que, observar variáveis tão inconstantes como números em redes sociais, que hoje são capazes de estar em alta e futuro são capazes de sair completamente de roupas, seria bastante incerto para se usar em algoritmos tão complexos. 

Sobre essa demanda, estilo de julgar que “é melhor pecar por exagero que por falta ”, e utilizar ao máximo os vestígios sociais em minhas páginas. Dessa maneira, listei algumas dicas de como otimizar o utilização deste motor: 

Orientação 01: Associado das redes sociais 

Para que você utilize esse motor e aumente o significado do seu site é preciso ter contas ativas nas redes sociais com publicações ou postagens com links às suas páginas, você naturalmente estará criando backlinks de qualidade, links externos recebidos por mais sites ou páginas na rede. 

Listei os principais sites que os motores de procura imaginam como vestígios sociais: 

  • Facebook 
  • Google+ (Google Plus) 
  • Twitter 
  • Reddit 
  • StumbleUpon 
  • Tumblr 
  • Pinterest 
  • Youtube 
  • Linkedin 

Orientação 02: Coloque botões de compartilhamento no seu site AGORA! 

O significado da utilização destes botões em suas páginas é a eventualidade de deixar ao alcance do seu leitor, cliente ou seguidor a eventualidade de gravar sua avaliação em suas redes sociais de maneira ágil e possível. Algumas plataformas de páginas como o WordPress contém plugins próprios para isto, por exemplo o Custom Share Buttons with Floating Sidebar. 

Orientação 03: Utilize os vestígios sociais como espécie de troca 

Essa é uma orientação super esquisito, uma vez que você pode obrigar de seus seguidores que, para que os mesmos recebam um certo conteúdo ou acesso a uma passagem, e-book, vídeo, seja preciso o compartilhamento da passagem nas redes sociais. Isso pode ser dado utilizando-se, similarmente, plugins como por exemplo, o Formal Locker. 

O propósito desses plugins é fidelizar o seu público em qualquer rede formal. 

Ufa! Quanta informação. 

Todas as funcionalidades e ferramentas que o seu projeto precisa, você encontra em uma plataforma EAD completa e segura como a Nochalks!

Categories: Vender cursos
Leave a comment