Como fazer um site para vender cursos? 5 passos + 3 dicas extras! 

Você já teve uma ótima ideia para permitir aulas na internet, definiu o preço do seu trabalho e agora está buscando informações para colocar seu negócio no ar? Por isso você está no lugar correto! Hoje traremos atalhos valiosos sobre como fazer um site para vender cursos. 

É verdade que, durante os últimos anos, estamos vivenciando uma grande migração dos serviços para o local digital. Em 2020, a participação do negócio eletrônico cresceu, em somente 6 meses, similar a 6 anos antes da pandemia. É o que aponta um arrolamento realizado pela Fecomércio-SP. 

Gostou? Confira mais artigos completos AQUI.

Além disso, 3 em cada 4 brasileiros possuem acesso à internet ( de acordo com a Abranet), o que favoreceu o boom nas vendas na internet! Apenas para você ter uma ideia, este setor viu sua receita reforçar mais de 100% em um ano – de acordo com o índice MCC-ENET. 

É momento de fruir o esfera seguro! Por isso, sem mais delongas, confira 5 passos + 3 dicas extras sobre como fazer um site para vender cursos. 

Passo a passo para saber como fazer um site para vender cursos 

Passo 1: contrate uma palco EAD 

O modo mais fácil de fazer o seu site é montar uma estrutura especializada de compra e distribuição de cursos. As plataformas EAD oferecem ótima qualidade de gestão, a partir da  estalagem de vídeos e a transmissão de lives até o controle cobiçoso de matrículas. 

Com essa estrutura pronta, você instala o seu site como se fosse um e-commerce, com carrinho de compras, desocupação 24h e muitas formas de pagamento. 

No mais, a Nochalks disponibiliza: 

personalização do layout / design com a sua cara; 

casa de certificados de entendimento de módulos; 

automatização de cobranças de mensalidades; 

aplicação de provas com datas fixas ou flexíveis; 

Passo 2: configure o esfera do seu site 

Curso grátis: Como criar streaming de vídeo ao vivo

De forma maior parte, o esfera é o dirijo que você usa para o seu site. É principalmente o nome do seu negócio, que será disponibilizado ao público em maneira de link. 

Algumas plataformas EAD já oferecem um subdomínio preso ao site, o que simplifica bastante o processamento! Porém você pode adquirir um nome na internet e em seguida representar o esfera manualmente. 

Passo 3: crie planos de assinatura 

Agora que a parte estrutural do seu site já está quase pronta, você pode iniciar a julgar na gestão dos cursos. E um passo bastante fundamental é fazer os planos de assinatura – que compreendem a distribuição de diversos conteúdos em um único pacote. 

Este vídeo explica impreterivelmente tudo sobre o questão. Acompanhe! 

Passo 4: cadastre os usuários e defina as permissões 

Okay, depois de vender o curso para os primeiros clientes, você já poderá recensear os usuários – além de adotar as utilidades a que cada um deles terá acesso. 

Isso pode ser realizado de maneira manual ou mesmo automatizada ( no momento em que o próprio colegial produz a conta e já inicia a acessar as aulas). 

As plataformas EAD fornecem um visão de controle bem completo, que permite a customização desses recursos. Este vídeo aspecto certinho como funciona: 

VOCÊ SABIA QUE PODE TER SUA PRÓPRIA PLATAFORMA DE HOSPEDAGEM DE VÍDEOS LIVRE DE DIREITOS AUTORAIS? CONFIRA AQUI.

Passo 5: suba os vídeos no site ( ou crie aulas ao diligente ) 

O último passo de como fazer um site para vender cursos é de fato liberar o conteúdo para os alunos. Você pode agravar os vídeos e hospedá-los no site ou realizar lives – algumas plataformas oferecem essa utilidade inclusa! 

Pretende saber de maneira bem execução? Olha apenas: 

Dicas extras: e depois de fazer o site, o que realizar? 

O trabalho não acaba aqui! Depois de seguir todos os passos e supervisionar definitivamente como fazer um site para vender cursos, é importantíssimo seguir adotando boas costumes para ter sucesso no negócio. Conheça nossas dicas! 

1. Aposte em técnicas de divulgação 

Certamente, agora que você já possui seu site organizadinho e com tudo diligente para ir ao ar, é necessário vender o curso para mais gente. O bom é que a própria internet está recheada de capacidade ( várias delas acessíveis financeiramente) para você publicar os conteúdos. 

Além de fazer e alimentar suas redes sociais com postagens regulares ( especialmente Instagram, Facebook e YouTube), você pode patrocinar alguns posts estratégicos – como os de promoções. 

Este processamento é bem simples e assertivo, já que as redes oferecem a seção de público ( de acordo com idade, gênero, região geográfica e rendimentos ) e permitem a gestão completa da massa. 

Pretende supervisionar os detalhes? Veja estas orientações sobre o Gerenciador de Anúncios do Facebook! 

2. Analise o performance do seu site 

Agora, vamos misturar: de nada vale atribuir em divulgação se você não souber que resultados essa estratégia está ocasionando. 

A ótima explicação é que as plataformas EAD fornecem a Setor de Marketing com o Google Analytics ambientado – um recurso que faz você supervisionar de qual lugar da internet as vendas estão chegando. 

Como dessa maneira? Bom, se você patrocinou um post nas redes sociais e este conteúdo gerou uma modificação ( ou seja, uma distribuição do seu curso ), o Analytics aspecto de qual conjunto de meios de comunicação este acesso veio ( de uma postagem no Instagram, por exemplo ). 

Ou seja, você pode avaliar se os investimentos estão dando certamente – ou se vale repensar um ponto. Aprenda a representar a Setor de Marketing no seu site: 

3. Monetize o seu curso de muitas formas 

Sabia que, fora o site, há outras capacidade de você passar a ter dinheiro com seus cursos? Efetivamente! 

Por exemplo, você pode “ alugar ” espaços para catequese no seu diário online / site, para que as marcas anunciem então. Para isto, é necessário apenas fazer uma conta no Google AdSense e seguir alguns requisitos básicos. 

Outras técnicas de monetização para seus cursos são: 

o YPP ( Programa de Parcerias do YouTube), no qual outras empresas veiculam anúncios nos seus vídeos – e você ganha um valor a cada comunicação; 

E aí, gostou deste conteúdo? 

Agora que você captou como fazer um site para vender cursos, por que não saber mais acerca da plataforma EAD Nochalks?

Todas essas funcionalidades e ferramentas você encontra em uma plataforma EAD completa e segura como a Nochalks!

Categories: Vender cursos
Leave a comment